Politintas doa mais 5 cadeiras de rodas

A beneficiada é a instituição Pare!, de Vila Velha. A doação é resultado da 9ª Pincelada do Bem, campanha realizada em parceria com a Pincéis Atlas.

A Politintas doou cinco cadeiras de rodas à instituição Pare! Participações em Rede, de Vila Velha, como resultado da 9ª edição da campanha Pincelada do Bem, realizada em parceria com a Pincéis Atlas.

Politintas doa mais 5 cadeiras de rodas

Conforme o regulamento da ação, a cada mil pincéis vendidos nas lojas da Politintas, uma cadeira de rodas é doada a uma instituição escolhida pela empresa.

Organizada em cinco unidades de negócios, a Pare! atua há mais de 15 anos em diversas frentes, como voluntariado, captação de recursos, elaboração, monitoramento e avaliação de projetos, marketing cultural e negócios de impacto, entre outras.

“A Pare! agradece muito a parceria com a Politintas. Uma das nossas atividades é fazer atendimentos a pessoas que têm alta dos SUS. Trabalhamos com pacientes em alta, com crianças e adolescentes em situação de risco, então, conforme as demandas, encaminhamos para as pessoas que precisam os itens que conseguimos por meio dessas parcerias”, afirmou Maria José do Carmo Quinteira, que atua como auditora e facilitadora da instituição.

Para o diretor-executivo da Politintas, Vinicius Ventorim, ações de responsabilidade social ajudam a integrar a empresa à sociedade. “Acreditamos que quando cuidamos da comunidade, a comunidade cuida da empresa”, disse.

35 cadeiras já foram doadas

A Pincelada do Bem começou em 2014 e, desde então, além da Pare!, outras oito instituições já foram beneficiadas pela campanha com a doação de 30 cadeiras de rodas. Entidades de Vitória, Vila Velha, Cariacica e Serra já receberam doações.

Pinceladas por todo o Brasil

A campanha Pincelada do Bem foi criada pela Politintas e ganhou todo o Brasil devido a sua parceria com a Pincéis Atlas, responsável por levar a ação para além das fronteiras capixabas. A iniciativa já começou no Rio de Janeiro e está sendo levada para outros estados.

Já viu essas notícias?